Blog > Matay de Surpresa ❗

Matay de Surpresa ❗

Hey pessoal!

Finalmente o Sax voltou a marcar presença nas terças no River lounge do Myriad! 🙌 Para quem quiser desfrutar de um belo e descontraído pôr-do-sol com vista Tejo é dar la um saltinho.

Na segunda tive um “Sax4Dinner” no Mercado Saloio, que correu muito bem (para não variar) 😎

 

O início da semana passada foi um pouco marcante para mim: durante o almoço de terça-feira estive a tocar para um doutor aposentado, que está neste momento em cuidados paliativos devido a Doença de Parkinson. Como todos vocês já devem ter conhecimento, o Parkinson é das doenças degenerativas do sistema nervoso, que mais impacto tem na vida do doente, devido à própria decadência mental e motora a que a pessoa está sujeita.

Este senhor sempre gostou muito de jazz e os familiares (muitos deles madeirenses) pensaram em fazer-lhe esta festa – que na minha modesta opinião, foi das melhores surpresas que lhe podiam ter feito! Parabéns pela ideia e organização Helena Perdigão 🙏 

Os temas que toquei foram maioritariamente de jazz, escolhidos pela sua esposa, e estavam relacionados com a vida dele e suas histórias.

Mal toquei as primeiras notas, gordas lágrimas rolaram pela sua cara e eu próprio tive de me conter um pouco. 😕

O momento mais emocionante foi mesmo quando ele, mesmo com as suas próprias limitações, convidou a sua esposa para dançar ao som de um dos temas. Estes momentos fizeram a minha terça-feira.

Parecendo tudo isto estar relacionado (mas na realidade não está), no dia seguinte estive presente na Conferência sobre Função Cognitiva, no teatro Thália.

Eu e o meu amigo (e excelente guitarrista) João Roque estivemos a tocar, a convite do Tiago da AnimaFestas. Após me terem pedido um guitarrista, para tocar comigo alguns temas de jazz, não tive dúvidas que o João era a pessoa ideal. 🤩

Estivemos a fazer coffee breaks durante toda a amanhã e tarde, e acabei por tocar jazz que já não tocava há bastante tempo…

No fim do evento aconteceu um momento divertido: o Matay estava lá (o cantor do tema “Dizer Que Não” com o Dengaz) e eu convidei-o para cantar uma música, ao qual ele fugiu e foi comer algo.

Curiosamente, passados uns minutos estávamos a tocar o tema Summertime, e aí sim! Ele juntou-se a nós e começou a cantar, e criou-se ali um momento engraçado para terminar a nossa atuação! 

No final tivemos pessoas a vir ter connosco agradecendo os momentos criados, em particular o improviso com o Matay. 🤟

 

No sábado dei mais um salto à outra margem, a Almada, desta vez para a inauguração de mais uma Flying Tiger Copenhagen.

É lá que são os escritórios em Portugal da fiel marca, que tem contado com a Whitesax Events. 😍

Como gosto sempre de chegar com antecedência e ter tempo para preparar tudo, acabei por estar à conversa com o Paulo Borges, o diretor geral da Flying Tiger Copenhagen Portugal. Como sou interessado pela história das pessoas e em saber como é que elas começaram, acabei por saber um pouco melhor a história do Paulo e que deu alguns trambolhões, que fazem parte do processo. E cada vez me convenço mais de que o sucesso advém do muito empenho que colocamos nos nossos objetivos!

 

Aqui há pouco tempo houve uma pessoa que me disse uma frase que eu gostei muito:

 

 “Quando se ultrapassa com garra fases menos boas… o melhor está por chegar” 

 

Que o melhor para todos nós esteja mesmo ao virar da próxima esquina. 💪🍀

Boa semana! *

2 Comments

  1. É mesmo! Que tudo de melhor te aconteça! Um grande beijinho e muita força e garra!

    Reply

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pin It on Pinterest

Share This